Avaliação do potencial mutagênico, anti-mutagênico e alelopático de extratos e óleos essenciais de plantas medicinais

Resumo: Diferentes plantas são utilizadas na “medicina popular” no tratamento de doenças. No Brasil, existe uma lista de espécies na Relação Nacional de Plantas Medicinais de Interesse ao SUS (Renisus) e há interesse de estudar e pesquisar as mesmas a fim de disponibilizá-las para o uso com segurança e eficácia na população. Além disso, existem diversos compostos naturais que apresentam potencial para ser usados no controle de plantas daninhas, constituintes voláteis de determinadas plantas, conhecidos como óleos essenciais, e afetam o crescimento de outras espécies, por apresentarem efeito alelopático. Sendo assim, muitos trabalhos têm mostrado que as plantas medicinais podem ter efeito mutagênico e genotóxico nos organismos. Considerando o incentivo do governo brasileiro na realização de pesquisas e estudos que possibilitem melhor conhecimento das plantas medicinais listadas no Renisus, aliado à promoção do uso sustentável da biodiversidade brasileira e à necessidade de realizar estudos com os extratos vegetais e óleos essenciais para assegurar sua utilização sem riscos à saúde, e ainda a busca por bioherbicidas, a proposta do projeto de pesquisa apresentado é prospectar a atividade mutagênica, antimutagênica e alelopática de diferentes plantas utilizando bioensaios com vegetal.

Data de início: 2015-06-01
Prazo (meses): 38

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador Milene Miranda Praça Fontes
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Alto Universitário, s/nº - Guararema, Alegre - ES | CEP 29500-000