HERANÇA DE CARACTERES QUALI-QUANTITATIVOS E SELEÇÃO DE LINHAS SEGREGANTES EM MAMOEIRO

Resumo: O mamoeiro (Carica papaya L.) é uma das culturas mais importantes e amplamente distribuída no Brasil com destaque no panorama de exportação. Os pomares comerciais em sua maioria são ocupados pelas variedades do grupo Solo, sustentado por estreita base genética. Uma das estratégias que podem ser utilizadas para aumento da variabilidade dentro do grupo é a modificação de sua morfologia. No grupo Solo, morfologicamente temos dois genótipos a serem explorados, sendo o ‘Baixinho de Santa Amália’ (BSA), um mutante anão a partir de ‘Sunrise Solo’ e o ‘STZ 03-Pecíolo Curto’ (GPC), cujas plantas adultas são altas e apresentam pecíolo e folhas de pequeno tamanho com coloração verde-clara. Para exploração comercial no melhoramento é necessário estudos a respeito do controle genético, do efeito sobre outras características e a realização de cruzamentos visando a seleção de famílias superiores. Deste modo, os objetivos deste trabalho serão estudar as heranças quali-quantitativas que consiste do estudo da herança da coloração das folhas seguido de análises fisiológicas e a determinação do controle genético do porte da planta e de características morfológicas e agronômicas em mamoeiro, conhecendo a relação entre essas características e o porte da planta e seleção de famílias com porte anão e pecíolo curto para produção de frutos. Para o estudo de herança será realizado o teste de hipóteses e análise de gerações, sendo utilizado os genitores BSA e GPC do Banco de Germoplasma da Caliman Agrícola S. A. As características avaliadas serão coloração das folhas, altura de inserção da primeira flor, altura de inserção do primeiro fruto, altura da planta, diâmetro do caule, comprimento do pecíolo, comprimento da folha, largura máxima da folha, número de frutos por planta, massa de frutos, comprimento de fruto, diâmetro da região mediana de fruto, espessura menor da polpa do fruto, espessura maior da polpa do fruto, sólidos solúveis totais e firmeza interna de fruto. A partir da geração F2 será realizado o avanço de gerações até F3:4 pelo método Genealógico selecionando linhas anãs com pecíolo curto para a característica produção por planta.

Data de início: 2015-01-27
Prazo (meses): 36

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Coordenador José Augusto Teixeira do Amaral
Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Alto Universitário, s/nº - Guararema, Alegre - ES | CEP 29500-000