Identificação e caracterização de espécies de Psidium da Mata Atlântica de interesse econômico

Resumo: Em virtude do grande número de espécies e importância ecológica, a família Myrtaceae é considerada um grupo modelo para a Mata Atlântica. Além da grande diversidade, a família se destaca por apresentar muitas espécies de interesse econômico por produzirem frutos comestíveis, serem fontes de compostos bioativos como óleos essenciais, especiarias e madeira, além do potencial ornamental. Adicionalmente diferentes espécies apresentam importante papel ecológico, fornecendo alimento para a fauna, sendo, assim, utilizadas em programas de restauração ecológica em ecossistemas naturais. Espécies frutíferas do gênero Psidium L. representam fonte de diversificação agrícola, apresentando possibilidade de agregação de valor com impacto socioeconômico, sendo também usadas para fins medicinais. No gênero há falta de pesquisas em todas as áreas, sendo escassos os conhecimentos tanto para o uso sustentável como para programas que possam selecionar materiais genéticos que tragam maiores benéficos aos produtores e consumidores. Psidium é um dos gêneros que abarca maior riqueza de espécies da família com mais de 30% delas ocorrendo no Domínio Atlântico. Neste trabalho propomos estudar a diversidade, fazer levantamento e identificar espécies de Psidium ocorrentes na Floresta Atlântica e caracterizar sua diversidade morfológica, genômica e química visando potencial de uso e melhoramento. Para tanto serão utilizadas abordagens interdisciplinares que incluem estudos de: revisão taxonômica, distribuição geográfica, caracterização morfológica, química e genômica. O conjunto de dados gerados representam a base para que nesse projeto também sejam conduzidos estudos que visam:o entendimento da evolução das espécies; implementação de espécies conhecidas e ainda não conhecidas no melhoramento, produção de novos produtos de alto valor agregado, geração de conhecimento para espécies de
reconhecido valor comercial, porém pouco estudadas e utilizadas como P. guineense, P. catleianum, P.myrtoides, servindo de fonte de variabilidade genética para a seleção de genótipos divergentes. Os impactos dos resultados gerados estão relacionados ao conhecimento das espécies existentes, da sua diversidade genética, bem como de compostos bioativos, indicação de locais de maior diversidade e formação de coleção de Psidium da Mata Atlântica. O Projeto envolve a colaboração entre pesquisadores de diferentes áreas do conhecimento, vinculados a Instituições Federais e Estaduais de Ensino e/ou Extensão (UFES, IFES-ES e JBRJ). Os resultados obtidos serão publicados em revistas indexadas, capítulos de livros e também divulgados nos congressos nacionais e internacionais. Além das publicações, o projeto possibilitará a formação de recursos humanos, uma vez que o mesmo disponibiliza linhas de pesquisas integradoras e interdisciplinares possibilitando aos acadêmicos interação com diferentes áreas do conhecimento.

Data de início: 2017-05-21
Prazo (meses): 48

Participantes:

Papelordem decrescente Nome
Aluno Doutorado Amélia Carlos Tuler
Aluno Doutorado Yumi Sheu
Aluno Doutorado Carolina de Oliveira Bernardes
Aluno Mestrado Aléxia Gonçalves Pereira
Aluno Mestrado Luara Lopes Sousa

Páginas

Transparência Pública
Acesso à informação

© 2013 Universidade Federal do Espírito Santo. Todos os direitos reservados.
Alto Universitário, s/nº - Guararema, Alegre - ES | CEP 29500-000